6 sintomas de pré-infarto que talvez você não conheça e jamais deve ignorar

As doenças cardiovasculares são responsáveis por de 30% dos óbitos no país, sendo um dos maiores motivos de morte no mundo inteiro. Entre esse tipo de problema se destaca o infarto como o grande vilão. Também é conhecido popularmente como ataque cardíaco ou infarto agudo do miocárdio. Infelizmente, em muitos casos ele pode ser fatal.

O infarto ocorre quando as artérias responsáveis por levar o oxigênio ao coração ficam obstruídas de maneira abrupta por um coágulo. Esse coagulo se forma em cima de uma placa de gordura existente na parede da artéria. Por isso, é importante manter uma alimentação e hábitos saudáveis para manter o bom funcionamento do organismo.

Contudo, alguns indivíduos podem ser mais propensos a sofrer um ataque do coração. Os fatores de risco principais são o colesterol alto, pressão alta, diabetes, alcoolismo, tabagismo, a obesidade e estresse. Pessoas com histórico na família também precisam ficar atentos a doença.

Dor no peito

Esse costuma ser o primeiro sintoma a se manifestar, uma dor no tórax que irradia para os braços, costas e até mandíbula. A dor intensa costuma surgir subitamente enquanto o indivíduo realiza as tarefas diárias ou mesmo dormindo.

Dificuldade respiratória

A dor no peito, semelhante a sensação aperto, pode dificultar o processo do corpo durante a respiração. Esse sintoma extremamente desconfortável pode fazer com que a pessoa sinta falta de ar, explicou o especialista.

Dor na região do abdômen e mal-estar

Problemas como náusea, azia, indigestão e dor na região do abdômen também são indícios que o corpo pode dar antes de um ataque cardíaco. Infelizmente, esse tipo de sintoma pode ser confundido com um mal-estar ligado a digestão. Por isso, é importante que o profissional esteja atento para diagnosticar corretamente o paciente.

Tontura

Semanas antes de um ataque do coração, um sintoma que costuma ser comum é a tontura. Neste caso, é importante que o indivíduo evite algumas atividades, como dirigir. Portanto, se você apresentar esse tipo de sintoma procure a ajuda de um profissional. Afinal de contas, desmaios e arritmias podem pôr em risco a sua vida e de outras pessoas.

Suor frio

Essa é uma queixa recorrente em pacientes. Eles costumam relatar o suor frio, aliado junto a tontura e dores no peito. Pode parecer algo simples, porém esse sintoma pode representar algo progressivo. O ideal é procurar ajuda médica o mais rápido que for possível.

Sensação de fraqueza

Muita gente não sabe, mas a fraqueza também pode ser um indício de uma doença grave como o infarto. Por ser um sintoma comum a outras doenças, o melhor é procurar ajuda profissional, pois somente o médico é capaz de fornecer o diagnóstico correto e saber se realmente está relacionado a problemas cardíacos.

Fonte: https://www.1news.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*